O Novo Normal na Incomun

https://www.instagram.com/incomunarte/

Somos Thaís e Camila, criadoras da Incomun, uma marca de Belo Horizonte que produz por meio de uma técnica artesanal – ensinada pela nossa mãe há mais de 20 anos – acessórios de moda e design de ambientes. Neste ano a Incomun, nossa marca artesanal, completará 14 anos e estamos vivendo um contexto muito desafiador e de muito estudo. A Incomun tem uma relação muito própria e analógica com o seu público. As peças produzidas artesanalmente imprimem carga simbólica, subjetividade, ancestralidade que vem através do ambiente cultural no qual a Incomun está inserida. Habitamos as feiras tradicionais, lugares históricos e bairros culturais.

 

 

O antigo Normal para nós era manter uma pequena empresa saudável, mesmo com todos os desafios a gente dava conta. Eu creditava que dependia muito de mim (Camila) como gestora para tudo fluir bem, uma vez que uma empresária experiente me disse: “Vai até onde as suas pernas alcançam”. Lembrar disso era uma maneira de me frear um pouco e de não arriscar demais, (meu sol e lua em Áries precisa de freios) pois se eu der um passo de cada vez estamos “seguros”.

 

 

A Incomun é uma empresa criativa, já teve que se reinventar outras vezes, sem comparação com este momento do “novo normal”. Temos experiências com mudanças, a última delas, foi na segunda vez que mudamos de endereço. Saímos da rotina de uma loja física para um ambiente onde reunimos a oficina e um espaço de atendimento ao cliente, e a maior parte dos colaboradores já trabalhavam de casa. Abrimos mão de uma loja de rua para um ambiente mais tranquilo onde criamos gatinhos, plantinhas e oferecemos um espaço acolhedor no bairro Santa Teresa em Belo Horizonte.

 

Terminamos a nossa reforma e  alguns meses depois chegou a pandemia. A nova adaptação, inesperada e coletiva tem sido o ambiente virtual. Lugar não muito confortável para nós que sempre desembolamos muito bem no analógico. São plataformas digitais que exigem conhecimento técnico, atividades específicas que estamos começando a aprender como a fotografia, a criação de conteúdo e edição gráfica. Hoje mais do que nunca estudar o território virtual têm sido uma prioridade na Incomun, enquanto, que antes, ficávamos muito envolvidas com as feiras e pedidos de atacado. 

 

 

O novo normal nos trouxe um redirecionamento da nossa atenção. O desafio de angariar novos clientes  e a insegurança de não estar vendendo para os clientes estáveis do atacado nos deixa num lugar novo e transformador, o espaço do movimento e do amadurecimento da nossa marca que é uma adolescente de 14 anos. Esperamos que tudo passe e que possamos sair mais amadurecidas dessa metamorfose e esperamos também criar uma rede forte no mundo on-line assim como construímos no território do off-line.

 

 

Thaís é formada em Artes Visuais, escorpiana e criadora da Incomun.

Camila é formada em Administração com ênfase em Marketing, é Ariana e criadora da Incomun.